MOLESKINE

Pra quem ainda não teve a felicidade suprema de conhecer os melhores cadernos do mundo, tenho o prazer de apresentar os Moleskine.

Os Moleskine são caderninhos que há dois séculos vêm sendo usados por artistas e pensadores europeus - dizem, de Van Gogh a Picasso.
Eram produzidos por uma família na Rue de l'Ancienne Comédie, em Tours - França, responsável por abastecer as lojas em Paris. Em 1986, o último membro da família decidiu romper a produção definitivamente, colocando a placa 'Le vrai Moleskine n'est plus' na porta da loja onde Chatwin, famoso escritor inglês, se abastecia dos seus cadernos favoritos.
Antes de viajar para a Austrália, Chatwin encomendou mais de 100 Moleskines e comprou todos os que via pelo caminho, ainda afirmando que não havia achado o suficiente.
Em 1998, um pequeno editor de Milão trouxe os Moleskine de volta à vida e, mais uma vez, os pequenos caderninhos pretos voltaram a circular pelo globo.

Cada caderninho é feito individualmente à mão e vem com um número de controle de qualidade. Em caso de defeito é só mandar uma foto pra eles junto com o seu endereço que vão te enviar outro.

Podem acreditar em mim, eles são perfeitos.
Achei um site legal que dá umas boas idéias para lidar com o seu Moleskine. Se procurarem no YouTube por Moleskine, vão encontrar uma infinidade de pessoas mostrando os próprios trabalhos - que vão desde rabiscos a desenhos absolutamente inacreditáveis.

Aqui no Brasil são difíceis de encontrar... Ouvi dizer que a Livraria Cultura estava vendendo em São Paulo, mas, normalmente, quando encontro por aqui, custam um absurdo (já cheguei a ver por R$120), enquanto nos Estados Unidos dá pra encontrar por perto de $15.

Um pedacinho de um dos meus:


Comentários