Blaise Pascal

Para quem queira ver, há luz suficiente; para quem não quer, há bastante obscuridade.

Comentários